Busca

O Adiador

Seu Jornal de Ontem

A convicção dos grandes

Na década de 1920, Hemingway abandonou seu emprego num jornal no Canadá para tentar a carreira de escritor em Paris, centro cultural da época. Sem emprego, com mulher e filho, tinha consigo apenas a convicção inabalável de seu talento. Passou fome, vendeu seu trabalho por preços medíocres. Manteve-se firme, tornou-se grande. Sempre foi, mesmo quando só ele sabia. Essa força pessoal é própria de gigantes.

O Quinze

Romance inaugural de Rachel de Queiroz, publicado em 1930, quando a autora contava 20 anos de idade. Nascida em Fortaleza em 1910, vivenciou o contexto de sua obra, sendo o título referência a seca de 1915 que ocorreu no nordeste brasileiro.

oquinze
Traço de Shiko

Continuar lendo “O Quinze”

Construção de imagens II

Construir imagens é dar vida a uma descrição convincente.  São as imagens que cativam o leitor e o mergulham na história. Anteriormente destaquei Bentinho, pensando nos olhos de ressaca de Capitu. Trago agora um trecho de “O grande Gatsby”, de F. Scott Fitzgerald. Na cena, Daisy lamenta-se por não se casar com Gatsby.

Continuar lendo “Construção de imagens II”

ANGÚSTIA – Um conto de Anton Tchekhov

o-velho-homem-triste

Continuar lendo “ANGÚSTIA – Um conto de Anton Tchekhov”

Construção de imagens

“Não se deve abusar das metáforas, porque, com a continuação, cansam, como ornamentações exageradas; mas não se deve recear multiplicar as imagens”. Façamos, então, como Antoine Albalat, que segue o conselho de Buffon: “Seja cada pensamento uma imagem”.

Continuar lendo “Construção de imagens”

Declaração de amor ao ator

Tempos atrás ouvi uma entrevista da atriz Eva Wilma, que lia um texto de Plínio Marcos falando sobre a beleza de ser ator. Achei bonito. Segue o texto:

Continuar lendo “Declaração de amor ao ator”

Storytelling: conselho de um historiador para empreendedores.

“A arte de narrar está em vias de extinção (Benjamin) ”, poucas pessoas sabem contar uma boa história. Perdendo-se a faculdade de narrar a história empobrece, já que sem o intercâmbio de experiências esta deixa de ser comunicável.

Continuar lendo “Storytelling: conselho de um historiador para empreendedores.”

#DicaDeFilme: The Sunset Limited (2011)

The Sunset Limited é um filme escrito por Cormac McCarthy e dirigido por Tommy Lee Jones.

THE-SUNSET-LIMITED

Continuar lendo “#DicaDeFilme: The Sunset Limited (2011)”

#DicaDeSérie: Limitless (Sem Limites)

Esta série (2015), derivada do filme Limitless (2011), conta a história de Brian Finch, que descobre o poder da droga NZT. Imagine que exista uma droga que lhe permita usar 100% do seu cérebro, que o faça lembrar de tudo que já leu, viu ou ouviu na vida. Essa droga existe nesta ficção, chama-se NZT 48.

Brian Finch tomando NZT.gif

Continuar lendo “#DicaDeSérie: Limitless (Sem Limites)”

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑